WOZEN
WOZEN FINAL _8.jpg

Calendário

Atividades, Exibições e Residências:

 

Back to All Events

Open Talk + Screening

Interlocutor convidado | Francisca Gorjão Henriques, jornalista e Presidente da Associação Pão a Pão - projecto para a integração de refugiados do Médio Oriente.

Wozen tem o prazer de convidá-lo para uma conversa aberta com o artista José Carlos Teixeira. Nascido em Portugal, e actualmente sediado nos Estados Unidos, o artista está intimamente familiarizado com as complexidades da imigração - desde confrontar situações de deslocação até assumir os desafios de aprender uma nova cultura. Na sua obra, Teixeira vai para além das suas experiências pessoais para criar instalações de vídeo que investigam noções mais amplas de pertença e exílio.
A fim de gerar espaço para a conversa, a empatia, e a intimidade, esta atividade na Wozen é um convite para um olhar reflexivo sobre, por um lado, a doença mental e depressão, e, por outro, o estatuto de refugiado no contexto atual. O conceito de exílio é examinado a partir de uma perspectiva geopolítica e também interpretado metaforicamente.

Nos últimos meses, para além de festivais de cinema, Teixeira expôs o seu trabalho em Lisboa no MAAT - Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia), no MMOCA (Museu de Arte Contemporânea de Madison) e na galeria SPACES (Cleveland), com o projecto ON EXILE: uma exposição que reúne ensaios em vídeo produzidos pelo artista entre 2016 e 2017.

Assim como nos seus projetos anteriores, Teixeira explora o conceito de alteridade nos filmes que compõem ON EXILE. Derivado de teorias psicanalíticas, antropológicas e pós-coloniais, othering refere-se a um processo pelo qual as sociedades estabelecem identidades maioritárias e minoritárias, ou categorias sociais, como opostos binários. Um indivíduo ou grupo é consequentemente considerado “nenhum de nós”, o que em alguns casos resulta na desvalorização, desumanização ou mesmo perseguição daqueles classificadas como Outros. Teixeira, no entanto, inverte essa tendência humana de demonizar a diferença ao dar voz a membros de comunidades estigmatizadas: indivíduos com doença mental em seu filme ON EXILE, fragmentos in search of meaning (2016-17) e refugiados muçulmanos vivendo nos Estados Unidos em ON EXILE, elsewhere within here (2017).

Resistindo a uma categorização convencional, o trabalho de Teixeira oscila entre o cinema documental e a vídeo arte. Sua abordagem baseia-se num modo de interação relacional da qual depende a participação, os encontros e o desempenho colaborativo. O processo de entrevista do artista funciona como prática artística e troca de vida; destacando as vozes e as histórias na primeira pessoa dos seus participantes, Teixeira abre um espaço psicológico para o desdobramento de narrativas íntimas e um território cinematográfico de criação e autoria partilhadas.


horário: 18:30 | início: 19h | duração: 1:30 | local: Wozen - Rua das Janelas Verdes, 128 B
info: hello@wozenstudio.com