WOZEN
exhibition.jpg

Exibições

 

As exibições da Wozen são consequências espontâneas de uma troca de ideias linear e consciente, que surge das relações pessoais e geralmente imprevisíveis entre os artistas, galeristas e a comunidade envolvida no projeto em questão. Espectadores e colecionadores também são parte das exibições, já que tem igual oportunidade de acompanhar o processo dos artistas durante as residências, construindo um entendimento e uma conexão mais profunda das obras de arte.

Wozen exhibitions are the spontaneous consequence of thoughtful and horizontal exchanges of ideas, that arises from the personal and often unpredictable relations between artists, gallerists and the community involved in that particular project. Viewers and collectors also become a part of the exhibitions, as they have the equal opportunity to follow up the  artists process during their residency, therefore constructing a better understanding and a deeper connection to the artwork.  

 

 
Back to All Events

MAR 17 | IN >SIDE< OUT


  • Wozen Studio Gallery (map)
Murta post card.jpg

MAR 17 | IN >SIDE< OUT

March 15, 2017 - April 9, 2017

MURTA, Teresa CG, nasceu a 5 de janeiro de 1993. Estudou na Caldas da Rainha e concluiu a licenciatura de Artes Plásticas pela ESAD.cr. Foi residente na Casa da Praia, em 2015, enquanto concluia o curso de design gráfico na ETIC, em Lisboa, cidade onde vive e trabalha. Apesar da pouca idade, MURTA é uma artista prolífica e versátil, com um estilo de pintura singular e instantaneamente reconhecível, mesmo dentro do vasto universo dos expressionistas abstratos.

Para a exposição "IN>SIDE<OUT", sua primeira individual na galeria Wozen, MURTA explora seu tema favorito: a memória. Uma de suas primeiras recordações de miúda era a brincadeira de mover rochas para outros sítios, ansiosa pela descoberta de novos mundos orgânicos na terra abaixo dos pedregulhos estéreis. Este é o ponto de partida para o árduo exercício artístico e investigativo de representar visualmente a efêmera existência de uma memória no subconsciente, bem como a consequente descoberta dos sentimentos dormentes que retornam quando este momento particular é acessado. 

Esta busca pela memória molda todo o estilo particular de pintura da artista, que consegue criar composições espontâneas de volumes e texturas, com pinceladas poderosas e instintivas, insinuando uma figuração involuntária dentro do abstratismo “puro”. Sua larga utilização de cores opacas e escuras encontra transparência na justaposição com outras camadas de cores mais claras e vivas, alcançando profundidade, foco e perspectiva, ainda que nunca por um caminho concreto ou deliberado.

MURTA entende uma lembrança como um fragmento de consciência oculto e indefinido, velado sob muitas camadas de outras memórias. Como a brincadeira de miúda, cada uma de suas obras é um convite ao público para a recordação de momentos passados especiais, e de todos os sentimentos latentes que os mesmos evocam. "IN>SIDE<OUT" é uma oportunidade para a descoberta das memórias escondidas embaixo das pedras do tempo.


MURTA, Teresa CG, was born on January 5th, 1993. She studied at Caldas da Rainha and graduated in Visual Arts at ESAD.cr. She completed a residency at Casa da Praia, in 2015, while graduating in Graphic Design at ETIC, in Lisbon, where she lives and works. Despite her young age, MURTA is a prolific and versatile artist, with a singular and immediately recognizable style of painting, even among the broad universe of abstract expressionists. 

For the exhibition "IN>SIDE<OUT", her first solo at Wozen Gallery, MURTA explores her favorite theme: memory. One of her first recollections as a child was the game of moving rocks off of their original sites, anxious about the new organic worlds living on the dirt bellow them. This is the starting point for the difficult artistic exercise of investigating and visually representing the ephemeral existence of a memory inside the subconscious mind, as well as the resulting discovery of dormant feelings that return when this specific moment is visited. 

This search for memory molds the artist`s unique painting style, creating spontaneous compositions of volume and texture, with powerful and instinctive brushstrokes, insinuating an unintentional figuration within the "pure" abstraction. Her vast use of opaque and dark colors finds transparency inside the juxtaposition of layers of lighter and vivid colors, reaching depth, focus and perspective, although never on a concrete or deliberate path. 

MURTA understands a memory as an occult and vague fragment of consciousness, veiled under many layers of other memories. Such as the child`s play, each of her pieces brings an invitation for the public to recollect past special moments and all the latent feelings they evoke. "IN>SIDE<OUT" is an opportunity to discover the memories hidden under the rocks of time.